Empresas procuram funcionários que trabalhem em funções de Secretariado e Administração (9º ano de escolaridade)

De norte a sul do país, existem centenas de empresas que estão a contratar novos funcionários para integrarem as suas equipas com funções de Administrativo e Secretariado.


Serviços administrativos e de secretariado são essenciais em todas as empresas, pois é através destes serviços que muitas questões logísticas, jurídicas, de recursos humanos, entre outros são tratadas e arquivadas. Por todo o país existem empresas a contratar funcionários para desempenharem funções de secretariado e administrativo. Para alguns destes empregos é pedido que o candidato desempenhe funções de Trabalho administrativo e de backoffice; Gestão de processos; Gestão de documentação; Gestão do serviço pós venda; Receção de clientes; Apoio à equipa comercial.

Para fazer parte de uma destas equipas é necessário ter no mínimo o 12º ano de escolaridade. Em alguns casos um curso superior na área do secretariado é apreciado, contudo nem sempre é um fator essencial. Outros fatores importantes e que podem contribuir para um maior sucesso da sua candidatura é o facto de ter experiência profissional prévia na área, ou em áreas semelhantes. Ainda assim, a experiência prévia não é um fator eliminatório nem determinante em algumas das vagas, sendo que em algumas empresas procuram candidatos para avaliar e iniciar na função.

Neste momento são centenas de vagas e oportunidades em aberto de norte a sul do país. Procuram candidatos que sejam capazes de realizar as tarefas de administrativos e secretariado. Alguns dos requisitos básicos envolvem a pontualidade e assiduidade, sentido de responsabilidade, gosto pelo que faz, facilidade de trabalhar em equipa, entre outros. Caso tenha interesse em fazer parte de uma empresa no setor administrativo / secretariado, pode consultar todas as oportunidades de emprego que se encontram em aberto e efetuar a sua candidatura para este trabalho aquiaqui.

Decahtlon procura novos colaboradores para as suas lojas

A Decathlon está a recrutar em várias lojas de Portugal para várias áreas diferentes!


A empresa Decathlon, reconhecida internacionalmente, dedica-se à criação e distribuição de artigos desportivos, mantendo uma presença global com mais de 1740 estabelecimentos distribuídos por mais de 70 países. No ano 2000, assinalou a sua entrada em Portugal com a inauguração da primeira loja, a Decathlon Amadora, abrangendo uma área de venda de 5 mil metros quadrados e incluindo um Parque Desportivo.

Presentemente, a Decathlon estende-se de Norte a Sul do país, abrangendo também as Ilhas, com um total de 40 lojas, cada uma adotando diferentes formatos como Decathlon, Decathlon Express e Decathlon Connect. A estratégia da empresa envolve não apenas a comercialização de produtos, mas também a interação direta com os consumidores, proporcionando experiências de compra únicas através da demonstração e teste dos produtos nas próprias lojas. Este método visa não só destacar a qualidade dos artigos, mas também oferecer aos clientes um envolvimento prático e esclarecedor no processo de seleção.

Além das lojas físicas, a Decathlon ampliou a sua presença no mercado digital, disponibilizando toda a sua gama de produtos de forma acessível através da loja online em decathlon.pt. Dessa forma, os clientes podem explorar e adquirir os artigos desportivos desejados com apenas um clique, usufruindo da comodidade da compra virtual ou optando por visitar uma das lojas físicas para uma experiência mais tangível. Com a sua abordagem abrangente, a Decathlon visa atender às necessidades diversificadas dos seus clientes, combinando inovação, acessibilidade e qualidade no mundo do desporto.

Se gostavas de fazer parte da equipa Decathlon, podes confirmar como fazer a candidatura e garantir um emprego nesta gigante e prestigiada loja especializada em tudo para o desporto.

Luís Simões abriu novas vagas e contrata para diversas áreas

A Luís Simões (LS) é uma empresa de transporte e logística portuguesa opera na Península Ibérica.


A Luís Simões iniciou o seu percurso nos anos 30, quando Fernando Luís Simões e Delfina Rosa Soares, ainda de idade jovem, transportavam, de carroça, hortaliças e fruta produzidas pelas suas famílias para os mercados abastecedores de Lisboa e da Malveira. No ano de 1945, estes adolescentes, que então já eram de maior, casaram-se e iniciaram, paralelamente, uma atividade hortícola e abrem uma mercearia. Em 1948 Fernando Luís Simões aventura-se a tirar a carta de condução de veículos pesados e o casal compra o seu primeiro camião. A partir daí a frota foi aumentando e diversifica os serviços de transporte de produtos hortícolas para transporte de materiais de construção. Hoje em dia, a empresa continua a ascensão e é uma das empresas mais prestigiadas no seu setor.

A Luís Simões rege-se por um conjunto de valores e políticas que refletem a missão e a visão da empresa num mercado em constante desenvolvimento. Tem como principal missão garantir soluções eficientes e competitivas de transportes, logística e serviços auxiliares, promovendo a satisfação de clientes e sociedade em geral, sob os pontos de vista económico, social e ambiental. Atualmente esta empresa conta com cerca de 2500 colaboradores diretos, possuindo mais de 400.000 m2 em armazéns, conta com 25 centros de operações logísticas e já tem mais de 200 milhões de quilómetros percorridos.

Neste momento, existem diversas oportunidades de emprego disponíveis para a Luís Simões. Caso tenha interesse em visualizar as vagas de emprego que se encontram em aberto para fazer parte desta prestigiada empresa, poderá fazê-lo aqui.

Têm cerca de 285 vagas para estas áreas e qualquer um pode concorrer

Há diversas vagas para assistentes administrativos em todo o país!


Para várias empresas de todo o país, estão a ser recrutados assistentes administrativos.  Para alguns dos casos, não é necessário experiência na área e admitem novos colaboradores com o 9.º ou 12.º ano de escolaridade (dependendo da oportunidade disponível).

É da responsabilidade dos assistentes administrativos, prestar suporte na área de gestão das empresas com foco em administração nos processos logísticos, operacionais e também financeiros. Este profissional numa empresa tem responsabilidades para gerir tarefas de rotinas essenciais e manter o bom funcionamento de qualquer organização.

 Dependendo das empresas nas funções a desempenhar pode estar incluído a resposta a e-mails, atendimento telefónico, emissão de faturas e outros documentos, serviços, pós-venda, atualização de cadastro, atendimento a fornecedores e clientes, emissão de entre outros. Poderá consultar as vagas aqui.


Horários em algumas das vagas:
De 2ª a 6ª feira, definido entre as 12h e as 18h00;
Folgas fixas aos fins-de-semana.

Requisitos para algumas das vagas:
Apoio à Direção
Gestão de e-mails
Inserir faturas em PHC
Elaboração de Atas de reuniões
Elaboração de relatórios
Controlo de processos

Oferecem em algumas das vagas:
Formação remunerada;
Vencimento Base acima dos 850,00€ liquidos
Contrato de Trabalho;
Vencimento base Remuneração Variável em função do desempenho;
Projeto de continuidade em projeto que valoriza o desempenho individual.

Câmaras Municipais estão a procurar Auxiliares de Ação Educativa e Assistentes Operacionais para escolas - Última Hora

Algumas Câmaras Municipais estão a procurar  Auxiliares de Ação Educativa e Assistentes Operacionais para escolas.



Os Auxiliares de Ação Educativa desempenham um papel fundamental no apoio direto às atividades pedagógicas e de recreio. As suas funções incluem ajudar os professores na gestão das turmas, apoiar alunos com necessidades educativas especiais, supervisionar os alunos durante os intervalos e refeições, e assegurar que as regras de convivência e segurança são cumpridas. A presença destes profissionais é crucial para manter um ambiente escolar equilibrado e eficiente, onde todos os alunos podem prosperar.

Por outro lado, os Assistentes Operacionais são responsáveis por manter as infraestruturas escolares em bom estado. As suas tarefas abrangem a limpeza e manutenção dos espaços, a gestão de equipamentos e materiais escolares, e a realização de pequenas reparações. Estes profissionais garantem que as escolas permanecem limpas, seguras e funcionais, criando um ambiente propício ao ensino e aprendizagem.


Funções a exercer em alguns dos concursos:
  • Funções de natureza executiva, de caráter manual ou mecânico, enquadradas em diretivas gerais bem definidas e com graus de complexidade variáveis;
  • Execução de tarefas de apoio elementares, indispensáveis ao funcionamento dos órgãos e serviços, podendo comportar esforço físico
  • Providenciar o atendimento e a informação a alunos/as, encarregados/as de educação, pessoal docente e não docente e outros utentes do estabelecimento de educação e ensino; 
  • Organizar e manter atualizado o inventário patrimonial, bem como adotar medidas que visem a conservação das instalações, do material e dos equipamentos;

Para estas posições, as Câmaras Municipais procuram candidatos com diferentes níveis de formação e experiência. No caso dos Auxiliares de Ação Educativa, é valorizada a experiência anterior em contextos educativos e a capacidade de trabalhar com alunos. Já para os Assistentes Operacionais, são procuradas pessoas com habilidades práticas e conhecimentos em manutenção e reparação de equipamentos e instalações localizadas na escola.


ASAE divulgou o aviso de abertura de novo concurso para quem possui o 12º ano de escolaridade - Última Hora

ASAE divulgou novo procedimento por mobilidade em aberto.



A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) é a entidade nacional responsável pela fiscalização e regulação das atividades económicas no âmbito da segurança alimentar e económica em Portugal. A sua missão é assegurar a segurança alimentar dos consumidores e garantir a lealdade das relações económicas entre os operadores. A ASAE desempenha um papel crucial na proteção da saúde pública, na defesa dos direitos dos consumidores e na promoção da concorrência leal.

Criada em 2005, a ASAE atua em várias frentes, desde a inspeção de estabelecimentos comerciais e industriais até à fiscalização de mercados e feiras. As suas competências abrangem a verificação da conformidade dos produtos alimentares e não alimentares, a luta contra a contrafação, a proteção da propriedade intelectual, e a prevenção de frades económicas. Além disso, a ASAE tem um papel ativo na supervisão do cumprimento das normas de higiene e segurança alimentar, assegurando que os produtos colocados no mercado são seguros para o consumo.



Funções geralmente a exercer em algumas das vagas na área (Apanhado geral das vagas geralmente encontradas na área):
    • Atendimento telefónico, registo, expedição e encaminhamento de correspondência, atendimento presencial e encaminhamento para inquirições/interrogatórios, regularização de processos na aplicação de gestão documental, entre diversas tarefas de âmbito administrativo.

    A ASAE realiza operações de fiscalização periódicas e responde a denúncias apresentadas pelos consumidores. As suas ações são conduzidas por inspetores especializados, que possuem formação específica para identificar irregularidades e garantir a aplicação da legislação em vigor. Através de inspeções rigorosas, a ASAE pode aplicar sanções aos infratores, incluindo multas e, em casos graves, a suspensão de atividades.

    A ASAE colabora estreitamente com outras entidades nacionais e internacionais, partilhando informação e experiências para melhorar a eficácia das suas ações. Esta colaboração é essencial para enfrentar todos os desafios globais.


    "Hoje em dia quem finge que trabalha é tão bem visto como quem se dedica a 100%" - Última Hora

    Uma investigação na Universidade de Boston chegou à conclusão que um trabalhador empenhado tem o mesmo mérito daquele que finge.


    A eficiência e a integridade no ambiente de trabalho são assuntos constantemente debatidos em diversos contextos profissionais. Infelizmente, por vezes, aqueles que aparentam estar ocupados são tão valorizados quanto os que realmente se empenham nas suas tarefas.

    Esta mentalidade pode gerar um ambiente laboral onde o esforço genuíno é menosprezado e até desencorajado, enquanto a simples aparência de ocupação é elogiada. Isso pode resultar numa cultura em que os trabalhadores se sentem compelidos a fingir ocupação, mesmo que não estejam a produzir resultados reais.

    No entanto, é crucial salientar que esta mentalidade é prejudicial tanto para os trabalhadores como para as organizações. Quando os colaboradores são recompensados por simularem trabalho, em vez de se dedicarem verdadeiramente às suas funções, isso pode levar a uma diminuição da motivação e do compromisso. Além disso, pode criar ressentimento entre os colegas que se dedicam verdadeiramente às suas responsabilidades.

    Por outro lado, reconhecer e valorizar o esforço sincero e a dedicação dos colaboradores é essencial para promover uma cultura laboral saudável e produtiva. Os líderes devem encorajar uma abordagem transparente e honesta em relação ao trabalho, onde o foco está nos resultados e na qualidade da execução das tarefas, em detrimento da mera aparência de ocupação.

    É igualmente importante promover uma cultura de feedback construtivo, onde os colaboradores se sintam incentivados a comunicar abertamente as suas preocupações e desafios no ambiente de trabalho. Isso pode ajudar a identificar potenciais problemas e encontrar soluções para melhorar a eficiência e a eficácia no local de trabalho. Trabalhar arduamente sem ser reconhecido pode ser desmotivante e frustrante. A falta de reconhecimento pode levar à diminuição da produtividade e moral, fazendo com que os colaboradores se sintam desvalorizados.


    Família está a procurar alguém para cuidar da avó e oferece 1500mês mais o alojamento - Última Hora

    Uma família encontra-se a procurar alguém para cuidar da sua avó.


    A família de Marília, uma avó que vive sozinha, está à procura de alguém para cuidar dela, e oferece um salário de 1500 euros por mês, juntamente com alojamento completo. A pessoa será responsável por acompanhar a idosa nas atividades diárias, auxiliando na vida geral de Marília.

    Além disso, deverá acompanhar a avó em consultas médicas e passeios, se necessário, proporcionando-lhe companhia e suporte emocional.



    Responsabilidades:
    • Acompanhar a idosa nas suas atividades diárias
    • Administrar a medicação conforme prescrição médica
    • Preparar e servir refeições
    • Realizar tarefas leves de limpeza e organização do ambiente
    • Acompanhar em consultas médicas e passeios, se necessário
    • Proporcionar companhia e suporte emocional



    Requisitos:
    • Experiência prévia como cuidador(a) de idosos
    • Paciência, empatia e habilidades de comunicação
    • Capacidade de realizar tarefas domésticas leves
    • Disponibilidade para trabalhar como cuidador(a) interno(a)
    • Formação ou curso na área de cuidados de idosos será um diferencial
    • Referências de empregos anteriores são essenciais



    Benefícios:
    • Salário de 1500,00EUR por mês
    • Alojamento completo fornecido
    • Ambiente de trabalho acolhedor e familiar
    • Possibilidade de horários flexíveis a combinar
    • Oportunidade de fazer a diferença na vida de uma pessoa idosa



    Os requisitos para esta posição incluem experiência prévia como cuidador de idosos, paciência, empatia, capacidade de comunicação e disponibilidade para trabalhar internamente. Benefícios adicionais incluem um ambiente de trabalho acolhedor e familiar, horários flexíveis e oportunidade de fazer a diferença na vida de uma pessoa idosa. Formação na área de cuidados de idosos e referências de empregos anteriores são consideradas diferenciais importantes para os candidatos.

    Trabalhar como cuidador de idosos é uma experiência gratificante. Este emprego envolve acompanhar os idosos nas suas atividades diárias. As responsabilidades incluem preparar refeições, administrar medicação conforme necessário e ajudar nas tarefas domésticas leves pela casa ou até mesmo no quintal ligado em anexo.