Procuram-se pessoas para dar carinho a bebés abandonados

Esta associação está a recrutar voluntários para abraçar bebés abandonados entre as duas e as seis semanas


Nos Estados Unidos, a associação Spence-Chapin, que foi criada há 100 anos por Clara Spence e pelo casal Chapin, com o objetivo de criar berçários para as crianças abandonadas em hospitais e em abrigos, depende do apoio de voluntários para continuar a prestar serviços às crianças e futuras famílias da adoção.

O objetivo da iniciativa pretende relembrar o mundo para a importância do amor.

Depois de uma formação, os voluntários não fazem nada a não ser mimar os bebés, dar-lhes amor e dedicar um pouco do seu tempo. Esporadicamente poderão tirar algumas fotografias com os pequenos para mais tarde recordarem.

A iniciativa conseguiu destacar-se no mundo inteiro e já se espalhou para outros países, como Itália, onde a associação Dharma atua na área de Brescia com 300 voluntários.

Dar (muito) colo e (muito) mimo é absolutamente crítico para todos os bebés, tem zero de consequências negativas e é 100 por cento benéfico!

Também pode interessar: