Empresa comprova! Trabalhar 5 ou 6 dias por semana diminui a produtividade em 50%!

A Microsoft no Japão decidiu adotar uma nova metodologia de trabalho ao fazer a experiência "Work Life Choice Challenge".


A ideia seria, quatro dias de trabalho (Segunda, terça, quarta e quinta-feira) e três dias de folga (Sexta-feira, sábado e domingo)... Após esta experiência foram avaliar os resultados e foram surpreendentes! A produtividade aumentou em cerca de 40%. A satisfação dos funcionários no geral também foi bastante positiva.

Os efeitos do excesso de trabalho na produtividade têm vindo a ser estudados em diversas empresas e hoje em dia já está provado que a produtividade aumenta com a satisfação dos funcionários e com um aumento do tempo de descanso. Ao contrário do que se pensa, aumentar o tempo de trabalho ou a quantidade de trabalho não vai aumentar a produtividade... Vai sobrecarregar o funcionário e diminuir a sua produtividade.

A Microsoft ainda ofereceu Workshops e ajudou alguns funcionários nas despesas em viagens de férias. Assim, a empresa garantiu melhores condições de trabalho aos seus funcionários, em vários níveis. As mudanças nos horários de trabalho permitiram que estes viajasses mais e se continuassem a desenvolver como profissionais.

As melhorias ao nível da produtividade e satisfação dos trabalhadores são notórias e agora a empresa irá avaliar a implementação definitiva deste novo horário laboral.

Depois desta experiência, várias empresas em todo o mundo têm vindo a adotar metodologias semelhantes com os seus funcionários.

Também pode interessar: