Alguns Lares e Serviços de Apoio com novas oportunidades para novos colaboradores

Procuram-se colaboradores para cuidar de idosos, com ou sem experiência.


Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), idoso é todo indivíduo com 60 anos ou mais. Todavia, para efeito de formulação de políticas públicas, esse limite mínimo pode variar segundo as condições de cada país. A própria OMS reconhece que, qualquer que seja o limite mínimo adotado, é importante considerar que a idade cronológica não é um marcador preciso para as alterações que acompanham o envelhecimento, podendo haver grandes variações quanto a condições de saúde, nível de participação na sociedade e nível de independência entre as pessoas idosas, em diferentes contextos.

O estudo do processo de envelhecimento é chamado gerontologia, enquanto o estudo das doenças que afetam as pessoas idosas é chamado geriatria. Existe, em alguns países, o Estatuto do Idoso, que garante direitos a essa população que já tem idade avançada.

A Gerontologia é o campo de estudos que investiga as experiências de velhice e envelhecimento em diferentes contextos socioculturais e históricos, abrangendo aspetos do envelhecimento normal e patológico. Investiga o potencial de desenvolvimento humano associado ao curso de vida e ao processo de envelhecimento. Caracteriza-se como um campo de estudos multidisciplinar, recebendo contribuições metodológicas e conceituais da biologia, psicologia, ciências sociais e de disciplinas como a biodemografia, neuropsicologia, história, filosofia, direito, enfermagem, psicologia educacional, psicologia clínica e medicina.

Medicina geriátrica ou geriatria é o ramo da medicina que foca o estudo, a prevenção e o tratamento de doenças e da incapacidade em idades avançadas. O termo deve ser distinto de gerontologia, que é o estudo do envelhecimento em si.

Geriatras são médicos especializados no cuidado com o idoso e têm a sua formação variável em diferentes países, mas geralmente esta passa por uma formação generalista (medicina interna, medicina de família, etc.) e a seguir são treinados nos aspectos específicos da saúde do idoso. Em geral os geriatras têm de passar por um exame de qualificação para a especialização para obter um título ou certificado de especialista.


Perfil para algumas das áreas:
- Experiência em Funções similares;
- Pessoa dedicada e responsável;
- Polivalência;
- Disponibilidade Horária;
- Disponibilidade Imediata.
- Pelo menos um ano de experiência (como profissional ou voluntário) ;
- Apresentar 2 referências;
- Bons conhecimentos de inglês, alemão ou holandês. 

 

Funções em algumas das áreas:
  • Apoio nos cuidados diários (banho, lavar os dentes, vestir... );
  • Acesso à comunidade;
  • Acompanhamento a consultas;
  • Ajudar com as compras;
  • Acompanhar nas atividades.

Oferta em algumas oportunidades:
- Full-time;
- Contrato de trabalho;
- Acomodação gratuita;
- Carro da empresa;
- Telefone;
- Treino;
- Possibilidade de progressão na carreira;
- Reembolso de €150 para recolocação a ser pago no terceiro mês de trabalho;
- Descontos;
- Seguro de saúde;
- Subsidio de férias.


As ofertas para cada um dos locais variam de acordo com a entidade empregadora, e em muitos casos existe a possibilidade de entrada imediata!

As atribuições dadas ao cuidador podem variar de acordo com o estado de saúde e com o estilo de vida do idoso. De qualquer forma, algumas das tarefas que poderá desempenhar caso se inicie nessa profissão  serão combinados com a família ou com o próprio idoso.

O gosto em trabalhar com idosos, é um dos requisitos pedidos em quase todas as ofertas desta área! Poderá consultar as vagas em  pesquisando por "Idoso".





Partilhe para ajudar quem precisa!

Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter

IMPORTANTE: Todas as informações presentes neste anúncio são verdadeiras à data da publicação do anúncio. Informamos que as mesmas podem ter sofrido alterações.