Escolas Privadas procuram pessoal não docente e oferecem salários até 1420€ - Última Hora

Algumas escolas privadas encontram-se a procurar pessoal em diversas áreas.



Uma escola privada em Portugal é uma instituição de ensino que não faz parte do sistema público de educação. Essas escolas são geridas por entidades particulares, como empresas ou organizações sem fins lucrativos, e geralmente são financiadas através de mensalidades pagas pelos pais dos alunos, doações e outros recursos privados.

O funcionamento de uma escola privada em Portugal pode variar de acordo com a instituição. No entanto, geralmente, estas escolas seguem os mesmos currículos e programas de ensino estabelecidos pelo Ministério da Educação, embora possam ter maior autonomia na organização e gestão do ensino, como na escolha de metodologias e abordagens pedagógicas, no uso de recursos e na estruturação do calendário escolar.

As pessoas que trabalham em escolas privadas em Portugal incluem:
  • Professores: Responsáveis por ministrar as aulas e acompanhar o progresso dos alunos. Os professores em escolas privadas, tal como no ensino público, devem possuir formação adequada e qualificações profissionais.
  • Direção: A direção é responsável pela gestão e administração da escola, incluindo a tomada de decisões, a coordenação das atividades e a comunicação com os órgãos reguladores, como o Ministério da Educação.
  • Funcionários administrativos: Estes profissionais desempenham funções administrativas, como secretariado, gestão de matrículas, organização de eventos, entre outros.
  • Pessoal de apoio: Inclui profissionais como auxiliares de ação educativa, responsáveis por auxiliar os alunos, especialmente os mais novos, em atividades do dia a dia.
  • Pessoal de limpeza e manutenção: Encarregados da manutenção das instalações e da limpeza dos espaços da escola.

Algumas escolas privadas também podem oferecer serviços adicionais, como transporte escolar, atividades extracurriculares, refeitório e programas de apoio pedagógico, contando assim com profissionais adicionais para apoiar estas atividades. 



Requisitos em algumas das vagas geralmente encontradas na área (Apanhado geral das oportunidades encontradas):
  • Boa capacidade de comunicação;
  • Licenciatura em Terapia da Fala;
  • Capacidade de trabalhar com crianças;
  • Disponibilidade para iniciar funções;
  • Formação base em Psicologia, com cédula profissional da Ordem dos Psicólogos;
  • Experiência e interesse, pela área de Desenvolvimento Infantil e de Jovens, assim como na área educacional;
  • Experiência e conhecimento na intervenção com perturbações do neurodesenvolvimento
  • Carta de condução de ligeiros (preferencial);
  • Habilitações mínimas: 9º ano;
  • Valorizam experiência comprovada na área da limpeza e manutenção dos espaços;
  • Valorizam alguma experiência/sensibilidade pedagógica com crianças (idades entre os 4 meses e 10 anos);
  • Conhecimentos na área da Educação (Preferencial);
  • Conhecimentos e experiência na plataforma SIGO (Preferencial);
  • Conhecimentos de inglês;
  • Capacidade de Organização e de realizar multitarefas;
  • Pessoa organizada, motivada e com iniciativa;
  • Bons conhecimentos de informática na óptica do utilizador;
  • Mínimo 12º ano, Licenciatura (Preferencial)
  • Disponibilidade Imediata (Preferencial)


Oferecem em algumas das vagas:
  • 6h/dia das 07.30h às 14.30h - 2ª feira a 6ª feira em alguns cargos;
  • Seguro de saúde;
  • Salários dos 860€ aos 1420€ dependendo do cargo;

Funções a exercer em algumas das vagas para além das na área educativa (Apanhado geral das oportunidades encontradas):
  • Atender telefonemas;
  • Tirar fotocópias;
  • Integrar o setor Financeiro, Administrativo e RH
  • Lançamentos contabilisticos;
  • Conferências de contas correntes;
  • Reconciliações Bancárias;
  • Aplicar conehcimentos de processamento de salários.
  • Acompanhar e apoiar as crianças no desenvolvimento de atividades pedagógicas e lúdicas não letivas, apoio às salas, aos recreios, ao almoço e lanche e períodos de repouso das crianças;
  • Vigiar e orientar as crianças, garantindo a sua segurança, higiene e bem-estar;
  • Assegurar as condições de higiene, segurança e organização do local e dos materiais e apoiar nas funções de limpeza, conservação e arrumação geral do espaço;
  • Dar apoio em laboratórios e bibliotecas (ajudar alunos, limpar, arrumar e fazer a manutenção e organização do espaço);
  • Acompanhar as crianças e jovens em visitas de estudo e excursões;
  • Principais responsabilidades: apoio ao refeitório (valências de creche e pré-escolar), higienização e limpeza dos espaços educativos; gestão e utilização eficiente das máquinas e materiais de limpeza

Perfil para algumas das vagas:
  • Boa capacidade de trabalhar em equipa
  • Gosto pelo trabalho com crianças;
  • Disponibilidade imediata.

Não docentes são os profissionais que trabalham numa escola e desempenham funções que não estão diretamente ligadas ao ensino, ou seja, não são professores. Eles são essenciais para o bom funcionamento da instituição e contribuem para a qualidade do ambiente escolar e para o apoio aos alunos, professores e comunidade educativa em geral. Poderá consultar as oportunidades nos estabelecimentos de ensino a recrutar perto de si.





Partilhe para ajudar quem precisa!

Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter

IMPORTANTE: Todas as informações presentes neste anúncio são verdadeiras à data da publicação do anúncio. Informamos que as mesmas podem ter sofrido alterações.