Jardins de infância com falta de pessoal e quase lotados procuram novos colaboradores - Última Hora

Alguns Jardins de Infância precisam de pessoal com urgência.


Os profissionais que optam por seguir esta carreira desempenham um papel no desenvolvimento emocional, social e cognitivo das crianças, proporcionando-lhes um ambiente estimulante e acolhedor para aprender e crescer.

Os educadores de infância, também conhecidos como educadores de jardim de infância, são os principais responsáveis por planear e implementar atividades educativas e recreativas que promovam o desenvolvimento integral das crianças. Estas atividades incluem jogos, brincadeiras, contação de histórias, atividades artísticas e musicais, entre outras, que visam estimular a criatividade, a imaginação e as habilidades de comunicação das crianças.


Perfil para algumas das vagas:
  • Capacidade para chegar a horas.
  • Demonstrar iniciativa e proatividade.
  • Excelentes competências para trabalho em equipa, especialmente em ambientes diversificados.
  • Capacidade de comunicação e relacionamento interpessoal.
  • Valorização de características como criatividade, autonomia, versatilidade e dinamismo.
  • Pontualidade e assiduidade como sinais de responsabilidade.
  • Habilidade para colaborar eficazmente em equipa, combinando autonomia com cooperação.


Oferta em algumas das vagas:
  • Horário compreendido entre as 07h40 e as 16h40, com intervalos definidos.
  • Remuneração competitiva, variando entre 918€ a 1005€, conforme a função.
  • Oportunidade de integrar uma empresa internacional em expansão.


Além dos educadores de infância, os jardins de infância também contam com outros profissionais não docentes, como auxiliares de educação, que prestam apoio aos educadores e contribuem para o bom funcionamento das atividades diárias. Estes profissionais desempenham um papel importante na supervisão das crianças, na manutenção da ordem e na promoção de um ambiente seguro e acolhedor.

Trabalhar em jardins de infância exige não só conhecimentos pedagógicos, mas também habilidades interpessoais, capacidade de comunicação eficaz e paciência para lidar com as necessidades individuais de cada criança. É essencial criar um ambiente de confiança e empatia, onde as crianças se sintam confortáveis para expressar as suas emoções e explorar o mundo que as rodeia.






Partilhe para ajudar quem precisa!

Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter

IMPORTANTE: Todas as informações presentes neste anúncio são verdadeiras à data da publicação do anúncio. Informamos que as mesmas podem ter sofrido alterações.