Portugal dá 6500 euros a emigrantes ou descendentes que regressem a Portugal

O Estado está disposto a pagar €6500 a emigrantes que queiram voltar a Portugal para trabalhar.


Uma medida que faz parte do Programa Regressar, aprovado pelo Governo em março, que conta com o apoio do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) e que vai entrar em vigor nos próximos dias. 

Segundo o Público, só para este ano, o Governo orçamentou 10 milhões de euros destinados para esta medida, que pode vir a beneficiar 1500 pessoas.

De acordo com o mesmo jornal, serão pagos vários apoios aos emigrantes ou lusodescendentes que regressem ao país para trabalhar, que podem chegar aos 6534,4 euros por família. Entre estes apoios está por exemplo a comparticipação das despesas das viagens.

Também pode interessar: