Criança de SuperNanny já foi vítima de bullying na escola

É por isto que os portugueses se revoltaram com o programa? A criança que participou no primeiro programa, já sofre as consequências.


De acordo com a imprensa nacional, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Loures,  juntamente com o Ministério Público, deu à SIC, 48 horas, na passada quinta-feira, para tirar da emissão e do site do canal todos os vídeos do primeiro episódio deste programa. A estação televisiva só não respondeu ao pedido, como ainda adicionou novos vídeos.

Rosário Farmhouse, presidente da Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens (CNPCJ), revelou que a criança de 7 anos que apareceu no primeiro episódio já está a ser vítima de bullying na escola: "Já lhe deram nomes, inclusive. Foi exposta de tal maneira que as marcas ficam para sempre".

Em entrevista ao Expresso, foi ainda revelado que foi o pai da menina que entrou em contacto com a CNPCJ, dois dias antes da estreia de SuperNanny, para que o ajudassem a chegar à SIC e impedir que o programa fosse exibido.

Partilha esta Oferta de Emprego com os teus amigos!

Partilhar no FacebookPartilhar no TwitterPartilhar no Google+